Junção dos Documentos

Por: Victoria Russell

Depois de 5 dias de simulações, tudo é finalizado de forma tranquila para o comitê LEGAL

Nessa quinta-feira, 4 de julho, o penúltimo dia de debate no comitê LEGAL se iniciou com a junção dos documentos dos grupos. Separados por afinidade de política externa e posicionamento ideológico, eram a Asia-Pacífica, o grupo Europeu e Estado-unidense e o GRULAC e a Africa.

Os delegados passaram o período da manhã discutindo e compactando os documentos individuais de cada grupo em um só. Para obter um documento com melhor qualidade, ocorreu uma discussão line by line; uma revisão para confirmar o posicionamento dos países em relação aos itens do documento.

Houveram poucas conturbações e indagações. O foco principal acabou sendo o conhecimento gramatical dos senhores delegados, com grande parte da discussão envolvendo vocabulário, artigos, preposições dentre outros elementos relacionados a linguagem escrita. Mas houveram sim algumas disparidades que levarão a uma discussão posterior entre países patrocinadores e não patrocinadores.

Por fim, se espera que amanhã haja um dia de produtividade devido ao andamento do documento de hoje. Mas é questionado como tantas nações tão divergentes ideológica e culturalmente acabam concordando tão facilmente com 27 parágrafos operatórios. E se estariam os delegados perdendo-se de suas políticas externas.